2018 o Ano do Pernil de Porco

2 comentários

2017 foi um ano saboroso segundo o grande chef especialista em Pernil de Porco. António Costa diz que a pimenta, um sumo de laranja com estrela de aniz e uma excelente pasta de alho tornaram o seu ano de 2017 tremendamente saboroso. O Chef do Pernil de Porco achou que um ano com Tancos, com os maiores incêndios de sempre em número de mortes record, trapalhadas na actuação das autoridades nacionais, incompetência atroz dos seus ministros nas suas áreas de actuação, famílias desoladas sem parentes e sem tecto fazem do ano de 2017 um ano saboroso. É importante perceber o grau de maldade que António Costa tem nas veias, num certo País mais distante o termo naja era pouco para designar tal pessoa. Para o Chef ser um ser Humano faltam lhe claramente qualidades intrínsecas, o mapa astral de António Costa deve apontar tal falha de carácter, a Maya ou a Maria Helena devem preparar um plano com pedrinhas do Professor Karamba para alinhar as linhas do juízo do António, é que ainda o temos que aturar até 2019 Camaradas, ainda temos que aturar maquilhagens nas contas e propaganda das suas tarântulas presentes na comunicação social.

Ter o Chef pernil ainda como Primeiro-Ministro, ou Minúsculo, depende da perspectiva, dói a qualquer ser com cérebro, o pernil em qualquer País da Europa era completamente arrasado por qualquer comunicação social independente, as calinadas de António Costa em Portugal passam de rentinho, o que só demonstra a pobreza franciscana do nosso País, pobreza de espírito, infelizmente. Santana Lopes, politicamente não me identifico com ele, por muito menos foi desalojado de São Bento por Jorge Sampaio que queria alojar José Sócrates.

Em 2018, individualmente, queria que Portugal iniciasse um processo de reforma estrutural profundo, que os principais partidos tivessem neurónios suficientes para fazer pactos de regime para mais de 10 anos, mas nem a Pipi das meias altas acredita nisto, é digno de Malucos do Riso, vamos continuar atrás dos outros Países europeus, não vamos convergir, vamos continuar com uma consolidação orçamental perneta, porque mais de 80% da redução do défice de 2017 foi feito pelo lado da receita quando a conjuntura internacional mudar, caros, vamos ter o Presidente do Eurogrupo e o Chef do Pernil a comunicarem o mesmo de sempre:” O Pernil acabou minha gente, restaram as moscas, a culpa é do Passos..”

Prezados, nunca um pernil de porco nos sairá tão caro como em 2018 e em 2019, estamos a adiar o País constantemente, depois não nos podemos queixar que é desgraça divina, porque o problema é nacional e bem Nacional…

Mauro Oliveira Pires

Anúncios

2 comentários em “2018 o Ano do Pernil de Porco”

  1. Boa tarde caríssimo Mauro,
    Acompanho os seus textos a um certo tempo. E posso-lhe afirmar que o princípio ou lei de Pareto transpira dos seus artigos. Coincidência ou simples acaso? Prefiro pensar que seja uma extrapolação da sua parte afim de esclarecer um tema da vida politicas portuguesa. Desde já grato pela atenção.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Caríssimo leitor, normalmente em terras de País à beira mar queimado 80% das desgraças ocorrem devido aos 20% de Social-Comunistas existentes neste País. Cabe ao remanescente limpar o oléo derramado dos 20%… Uma vez que estes tem superioridade moral, pelos vistos têm mesmo, para não limparem nada. Uma vez canhoto, sempre canhoto.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s