António Costa, o novo Putin

um comentário

A nova ordem em Portugal é uma: Censura. Quem não é de esquerda é Neoliberial, “Salazarista”, da “Direita”, como se isso fosse algo pejorativo, e a opinião de quem é liberal ou de uma área política completamente diferente dos canhotos, tem que ser calado e colocado num qualquer poço escuro sem ter o direito uma opinião completamente diferente de tais criaturas mal pensantes. Se não nos podemos expressar devidamente, com as regras normais da boa criação, sem que os metralha de esquerda nos apontem o dedo como se fossemos bichos estranhos e invulgares neste planeta então a democracia não é de todos, é deles, são reis e senhores de uma “democracia” que é socialista inspirada nos ideais de calar quem tem pensamento contrário. Isto não é uma democracia, é uma ditadura disfarçada, que é o que Portugal é há 43 anos, que cuja doença tem vindo a evoluir paulatinamente, devagarinho, mas que tais garras nos atormentam ainda mais a nossa liberdade de expressão.

Quantas vezes a Catarina Martins pensa que é dona da verdade? Quantas vezes pensa ela que as suas ideias estapafúrdias, do tempo da foice e martelo, são o “normal” que um País atlântico e desenvolvido como o nosso deve ter? A Catarina, tal como o Jerónimo e tal como António Costa tem todos as costas quentes, a comunicação social tem os cartilheiros certos nos sítios certos prontos a proteger a troika social-comunista. Isto é um escândalo de parcialidade, só visto numa Angola ou Rússia, em que os grandes líderes são bajulados e protegidos pelas Oligarquias vigentes. Nós já conhecemos o ciclo, António Costa não vai demorar muito tempo até cair, mas isso não interessa, porque de certeza que a culpa do desastre do mandato de tal criatura vai ser de Passos Coelho. Com certeza que Passos estará em casa com pantufas a assistir a um discurso de Costa a pedir um resgate, mas a culpa é do Passos. O IMI que as vítimas dos incêndios tem que pagar, a mando de Costa e de Centeno, sobre casas que já não tem, também é culpa do Passos.

Mas há mais, o dinheiro dos contribuintes, nosso dinheiro, nosso graveto, nosso money, não do Estado, está a ser usurpado por um usurpador Primeiro-Ministro para fazer estudos de sondagem, e não só, como o Governo fez 2 anos há dias, o Primeiro-Minúsculo decidiu pagar a figurantes 200€(aéreos), para fazerem perguntas ao Governo social-comunista em directo na televisão. Nem o Camarada Maduro, nem o Camarada Putin, Oh Grande Costa, tiveram tão brilhante ideia! És um génio pah! O Mestre da propaganda! É uma pena que a ervilha que está no lugar de um suposto cérebro, não dê para mais.

Um recado para as esquerdas unidas, podem continuar a censurar-me, ma me vão calar. Já diria o Mário Lino: JAMÉ!

Mauro Pires

Anúncios

1 comentário em “António Costa, o novo Putin”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s