Boletim tranquilizador 001/17

Nenhum comentário

Olá, pessoa-cidadão! Sou eu outra vez.

Venho, com tão curto interregno, em missão relaxante apelar a que mantenham a luminosa crença nas nossas autoridades, que tão diligentemente zelam pelo bom uso da coisa pública, dos corpos em que vivemos até ao esforçado erário.

Relatos populares e alguma evidência anedótica, como esta foto tirada hoje na Marinha Grande,

FB_IMG_1508099825112

bem como rumores acerca de pânico e acidentes devidos ao fogo e corte de vias na A1, A25 e na estrada para S. Pedro de Moel, são em grande parte infundados e não traduzem qualquer quebra no milagre histórico que o país vive desde 2015. De facto, e ainda que a realidade viesse a confirmar-se tão violenta, a reposição de rendimentos para uns à custa de outros e a redução de impostos por contrapartida de um aumento de impostos nunca estariam postas em causa. Podeis sonhar na paz social como até aqui, sem temer pelos quatro euros que o vosso poder de compra irá aumentar.

Da floresta, das habitações, da indústria e das vidas que circulam por entre as labaredas, cuidará a Princesa-Ministra, tal como tem feito desde a sua iridescente nomeação. No limite, nunca morreu ninguém por desleixo do Estado.

É tudo por agora. Mantende a calma e pensai que era tudo muito pior no tempo em que o Passos, esse inimigo do progresso, não vos dava sequer quatro euros. Avante!, mas por estradas que não ardam.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s