Macron Não Teve Sorte

Em Portugal (por motivos de protecionismo político) falam que Macron teve sorte nas eleições. Eu elenco uma série de motivos que mostram o por quê ele não teve sorte e um quarto do eleitorado o votou como primeira e melhor alternativa.

Macron já teve discursos chatos, extremamente teóricos e longos. Quem é que tem paciência de ouvir um político que explica que favorecer agricultores franceses será bom para a competitividade e não será uma medida protecionista? Ou a diferença entre Laicidade e laicismo? Orgulho-me de saber que milhares de franceses tiveram.

Em plena discussão sobre imigração, refugiados, islamismo e LGBT o mesmo se entreteve a falar de outras minorias como judeus e protestantes. Coisa que não está na ordem do dia da França.

Outra coisa que também não está na ordem do dia, e o mesmo fez questão de falar foi sobre os cuidados das crianças com deficiência.

Em pleno período com alta taxa de desemprego e défice público, o mesmo vem ao eleitorado dizer que a solução está no empreendedorismo e baixar os impostos para quem produz, assim como flexibilizar a lei laboral.

Das únicas medidas que vão ser notadas a curto prazo nas suas propostas serão a possibilidade de um francês comprar apenas uma unidade de medicamento, a redução do imposto patrimonial para as classes baixa e média, o fim dos impostos extras para as profissões liberais e a facilitação do empreendedorismo jovem.

Não ficando por aí, ele consegue defender a União Europeia de forma crítica. Vem ao público e reconhece as falhas do projeto europeu, coisa que a esmagadora maioria dos europeístas não são capazes. Entre elas, a falta de harmonização de normas de produção e uma competição justa entre países.

O próprio assume que haverá riscos no seu projeto, que não será fácil, será um longo caminho com efeitos que na sua maioria não vão ser logo sentidos.

Eis que pergunto, com um discurso que não é fácil e sem mega efeitos de curto prazo, alguém de facto acha que os resultados eleitorais da primeira volta foram sorte?

O que me assusta é que entre o Sol girar em torno da Terra (Le Pen) e a Terra girar em torno do Sol (Macron), exista o risco real dos franceses escolherem o arcaísmo de soluções que não resultam.

Matheus Costa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s